terça-feira, 24 de agosto de 2010

Jesus

A humanidade olha para Jesus de Nazaré como um homem que nasceu pobre e sofreu misérias e humilhações como todos os que são fracos. E Jesus é objetivo de compaixão, por que a humanidade pensa que Ele foi crucificado dolorosamente... E tudo o que Lhe oferece são prantos, gemidos e lamentações. Há séculos, a humanidade vem cultuando a fraqueza na pessoa do Salvador.
O Nazareno não era fraco! Era forte e é forte! Mas o povo se nega a ver o verdadeiro sentido da força.
Jesus não veio do coração do circulo da Luz para destruir os lares e construir sobre as ruínas os conventos e os mosteiros. Não persuadiu o homem forte a torna-se monge ou padre, mas veio para transmitir nesta terra um novo espírito com poder de destruir os alicerces de qualquer monarquia construída sobre ossos e crânios humanos... Veio demolir os palácios majestosos, construídos sobre as sepulturas dos fracos, e esmagar os ídolos levantados sobre os corpos dos pobres. jesus não foi mandado ao mundo para edificar templos e igrejas magnificência entre frias cabanas miseráveis e tristes tugúrios... Veio para fazer do coração humano um templo, da alma um altar e do espírito um sacerdote.
Já rezaste decerto o suficiente para levar-te até ao fim da vida, e daqui por diante não deverás entrar nas igrejas como um crente, por que o Jesus que tanto amas não é encontrado nas igrejas. Muitos são os lugares de culto, mas poucos são os que rendem culto em espírito e em verdade.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...