quinta-feira, 7 de junho de 2012

Satyaprem - Aqui e Agora



Aqui e agora só existe o Ser.
E o Ser não é seu, não é propriedade sua.
Seu Ser é o meu Ser.
Seu Ser é o Ser de todo mundo.
Ele não pode ser seu – e é por ele não ser de propriedade sua, nem de ninguém, que ele mora no aqui e agora.
Nada tem definição no aqui e agora.
O Ser é indefinível.
É por isso que os Budas dizem que, quando o Ser é realizado, uma profunda e imensurável humildade é realizada, porque é percebido o quão pequeno é este “eu”.
A arrogância é apenas baseada na ignorância e na ideia de separação.
Você pensa que eu sou separado de você, ou que você é separado de um outro alguém, ou que você sabe mais do que esse outro alguém, ou que eu sei mais do que você.
Mas essa é uma ideia aprendida, condicionada.
Você cresceu ouvindo que o seu corpo era você.
Este limite lhe foi imposto quando disseram que você era alguém.
Vem daí toda essa dificuldade em transpor, em transgredir esse limite.
Transgredir é pecado.
Estes conceitos são limites, ou seja, estão definindo você, estão criando uma identidade, tentando fazer de você algo palpável.
Só uma coisa não é palpável e não tem limite.
Em ignorância, você tem medo disso.
Mas isso é você!

Satyaprem
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...